Banco do Nordeste 65 anos

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Temer não cederá a lobby para suspender vistos


Presidente não cederá a lobby para isentar americanos de visto


Seja quem for o substituto de José Serra, que se demitiu por problemas de saúde, o futuro ministro das Relações Exteriores pode ter a certeza: o Brasil não vai suspender a exigência de visto para cidadãos dos Estados Unidos, Japão, México, Canadá e Austrália, a menos que esses países façam o mesmo. 

O presidente da República Michel Temer disse a esta coluna que esse tema não será examinado pelo seu governo. A diplomacia brasileira é absolutamente contrária à suspensão de visto para nacionais de qualquer país que faça essa exigência de brasileiros. Lobby do setor de turismo pressionava o governo a suspender vistos de países grande emissores de turistas. Ao menos temporariamente.

O princípio da reciprocidade é a afirmação de dignidade de qualquer país, e não há "dignidade temporária", dizem diplomatas, com ironia. Temer disse também a esta coluna que não haverá novas dificuldades à obtenção de visto por americanos, como eles fizeram aos brasileiros.


Fonte: A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Postar um comentário