domingo, 26 de março de 2017

Doleiro do PMDB articula esquema para escapar de operações da PF

© Tânia Rêgo Agência Brasil

Procedimento para proteger arquivos tem sido realizado diariamente há, pelo menos, dois meses



As operações da Polícia Federal - PF no âmbito da Lava Jato já estão manjadas pelos seus possíveis alvos. Tanto que um lobista do PMDB Nacional em Brasília teria criado um esquema para escapar das buscas e apreensões promovidas pela instituição. Segundo publicado pelo jornalista Lauro Jardim no O Globo, o peemedebista tem um funcionário que vai à casa dele todas as noites para recolher equipamentos eletrônicos, como celulares e computadores, e entregar três celulares sem nada que o comprometa. 


Na manhã seguinte, o mesmo funcionário retorna com o material. Isso, claro, se a PF não estiver no local. De acordo com a publicação, este procedimento tem sido realizado diariamente há pelo menos dois meses e, assim, garantido a segurança dos arquivos do doleiro.

Postar um comentário