sexta-feira, 3 de março de 2017

Ex-Odebrecht confirma caixa 2 para PSDB por solicitação de Aécio Neves

Foto: © Reuters

Benedito Junior afirma ter pago um total de R$ 9 milhões a candidatos do partido.



Em depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura Benedito Rodrigues Junior contou ter feito dois pagamentos de caixa 2, em 2014, atendendo a um pedido do senador e presidente nacional do PSDB Aécio Neves. De acordo com o G1, o executivo disse que o primeiro pagamento teria sido de R$ 6 milhões para apoiar três candidatos: Antonio Anastasia (candidato ao Senado pelo PSDB), Pimenta da Veiga (candidato a governador de Minas Gerais pelo PSDB) e Dimas Junior (candidato a deputado federal pelo PP).


O segundo pagamento, de R$ 3 milhões, teria sido feito para a empresa responsável pela campanha eleitoral de Aécio Neves à Presidência da Republica do Brasil, em 2014, para o marqueteiro Paulo Vasconcellos. O presidente do PSDB teria pedido R$ 6 milhões, mas a Odebrecht só liberou a metade do valor, segundo uma fonte que acompanhou o depoimento.

Postar um comentário