domingo, 30 de abril de 2017

Brasil fecha 1º trimestre com mais de 14,5 milhões de desempregados




A taxa de desemprego no Brasil continuou em trajetória de alta e fechou o primeiro trimestre em 13,7%, novo recorde histórico e com contingente de mais de 14 milhões de pessoas sem emprego em meio à dificuldade de a economia dar sinais consistentes de recuperação após dois anos seguidos de recessão.

Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, nos três meses até fevereiro, a taxa de desemprego estava em 13,2% e, no primeiro trimestre de 2016, em 10,6%. O resultado de março ficou em linha com pesquisa da Reuters junto a economistas.

Postar um comentário