domingo, 16 de abril de 2017

Herança maldita: arruinado durante gestão Dilma Rousseff, Correios precisarão fechar 250 agências



Trata-se de um esforço para salvar o que restou da estatal após a passagem do petismo pelo poder


Em 2016, os Correios fecharam o ano com prejuízo de R$ 2 bilhões. Para tentar salvar a estatal, a empresa já iniciou um Programa de Demissão Voluntária com o objetivo de diminuir em 5 mil pessoas a quantidade de funcionários, dos quais 3 mil já toparam. Mas não é só.

O plano inclui agora o fechamento de 250 agências em todas as regiões do Brasil, desde que o município tenha mais de 50 mil habitantes. Uma breve busca nos arquivos do Implicante lembrará ao leitor como a empresa foi explorada na gestão Dilma Rousseff até mesmo para práticas bem semelhantes às de crimes eleitorais. 

O aparelhamento era evidente. E a ruína financeira, uma aposta de baixo risco. Com o PT fora do poder, o problema ficou cada vez mais explícito no noticiário. No noticiário. Pois, na prestação de serviços, o cidadão brasileiro já o percebia há tempos.


Fonte: Implicante
Postar um comentário