Banco do Nordeste 65 anos

sexta-feira, 19 de maio de 2017

PT putrefado na corrupção, mas Lula quer disputar direta




O discurso de que o ex-presidente da República Lula da Silva não estaria disposto a entrar em uma eleição direta agora, caso o governo Michel Temer caia, é um despiste endereçado especialmente ao PIB e à Lava Jato. Nem Lula nem o PT descartam a candidatura. Ala do tucanato defende o nome do senador Tasso Jereissati (PSDB/CE) para suceder Temer na Presidência, caso ele deixe o Planalto e haja eleição indireta.


Postar um comentário