Banco do Nordeste 65 anos

domingo, 25 de junho de 2017

Lula é feliz com Moro e não sabe

Uma reportagem da Folha neste sábado sobre os juízes "linha-dura" da oitava turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que revisa as decisões de Sergio Moro, é de fazer Lula arrancar os cabelos. Quase metade das penas dadas pelo juiz federal foram elevadas na segunda instância, algumas delas em mais de dez anos. Exemplo: "Na quarta-feira (21/06), o processo contra o ex-sócio da Engevix, Gerson de Mello Almada, chegou à sala de julgamentos da turma com uma condenação a 19 anos de reclusão. Saiu com uma pena de 34 anos e vinte dias".


Postar um comentário