Banco do Nordeste 65 anos

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Depois de Geddel, Henrique poderá ir pra casa




Otimismo dos amigos e correligionários do ex-deputado federal Henrique Eduardo Alves, após a concessão de prisão domiciliar para o ex-ministro Geddel Vieira Lima. Além das situações serem semelhantes, o relator do habeas corpus de Geddel seria o mesmo do pedido de Henrique Alves. Aguarda-se decisão para as próximas horas, com a substituição da prisão preventiva de Henrique pela domiciliar, em Natal.



Postar um comentário