segunda-feira, 3 de julho de 2017

Mil empresas devem mais de R$ 211 bilhões à Previdência



Vale, JBS e até embaixada dos EUA abalaram contas da previdência



A CPI da Previdência Social fez levantamento dos 1.000 maiores devedores da Seguridade Social e o total das dívidas supera os R$ 211 bilhões ou cerca de 50% a mais que rombo previsto para as contas públicas este ano. Desse total, apenas R$ 27,7 bilhões já foram negociados com as empresas e têm pagamentos parcelados. Os outros R$ 183,3 bilhões seguem listados como calote e constam na dívida ativa previdenciária. 

Encabeçando a lista aparece a mineradora Vale do Rio Doce, com R$ 13,1 bilhões, sendo 93,6% (R$ 12,2 bilhões) já parcelados junto ao governo. Somente a JBS de Joesley Batista deve R$ 2,9 bilhões à Previdência. Está entre os cinco maiores devedores. Por que isso não surpreende? As extintas Varig, VASP e Transbrasil figuram entre as maiores devedoras: R$ 14,3 bilhões ainda não negociados. A dos Estados Unidos é a única embaixada na lista do calote, que vexame. Deve R$ 61,5 milhões à combalida Previdência brasileira.



Fonte: A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.
Postar um comentário